20 de agosto de 2012

Fim ou não

-- 107 comentários:
Gente vou desativar o blog por um tempo  ,tantos tempo aqui e eu nunca fiz isso , mas acho que agora eu realmente cansei ... sabe quando chega no limite ? Isso aqui era diversão e acabou virando obrigação , só falam comigo para cobrar o próximo capitulo da IB e sei que só sou conhecida como a " garota que faz as IBs legais " .. talvez eu volte um dia , eu sei que vou voltar , por que não consigo ficar muito tempo longe disso , mas só quero um tempo ... tchau até algum dia 

18 de agosto de 2012

Everything starts from something- 16º capitulo

-- 53 comentários:
" Eu quero dar um tiro nele e ao mesmo tempo me jogar em sua frente para o salvar , vai entender esse meu coração " 



Vc : Justin a aliança 
Jus : Que aliança ?
Vc : Você não trouxe a aliança ? - eu disse irritada
Jus : A aliança eu esqueci mais camisinha eu tenho - ele sussurrou no meu ouvido
Vc : Pattie o idiota do seu filho esqueceu as alianças - eu reclamei enquanto todos tentavam segurar a risada  
Pattie : Você é muito burro 

Até o padre tentava segurar a risada enquanto eu olhava inconformada para o Justin que me olhava com indiferença . 

Ana : Eu comprei , sabia que o Justin ia fazer isso
Jus : Ninguém me avisou nada 
Vc : JUSTIN O NOIVO SEMPRE COMPRA A ALIANÇA 
Jus : Eu tenho uma bola de cristal para saber disso ?
Vc : Todo mundo sabe disso - eu disse como se fosse obvio 
Ana : Toma logo isso e prossiga a cerimonia - ela disse nos entregando uma caixinha preta

Justin a abriu e havia duas alianças lindas , ele botou uma em meu dedo e eu no dele . 

Padre : Já pode beijar a noiva
Jus : Já pode partir para o sexo logo ?
Vc : Cala a boca Justin antes que eu te mate...

Ele me puxou pela nuca me dando um beijo antes que eu pudesse terminar a frase , encerramos o beijo com vários selinhos, ele encostou a minha testa na dele e sussurrou olhando em meus olhos . 

Jus : Até que o ódio nos separe
Vc : Ou até que eu pegue uma arma e te mate - sussurrei ainda com minha testa na dele

Ele me deu um selinho rápido e olhou para o padre rindo , puxou a mão dele e começou a dançar com o padre que tentava se soltar e não rir . 

Vc : Justin solta o padre - eu disse irritada 
Ana : Justin solta ele agora
Jus : Deixa eu dançar com ele - ele disse girando o padre 

Justin soltou o padre que arrumava sua roupa e ajeitava seu óculos , todos riam e eu tentava segurar minha risada , caminhamos para saída da igreja aonde todos jogavam arroz , mas pra que essa porra ? Vão jogar isso nas criancinhas que passam fome porra 

Ana : Hora de jogar o buque - minha mãe gritou 

Mas umas dessas coisas bestas que não intendo para que serve , essas mulheres acham que vão pegar um buque vão desencalhar ? todas as mulheres se juntaram a trás de mim uma empurrando a outra enquanto eu me preparava para jogar . 

Jus : ESPERA - ouvi o Justin gritar 
Vc : O que foi ?
Jus : Falta eu 

Ele se junto a todas aquelas mulheres e ele empurrava mais do que qualquer uma ali para tentar pegar aquele buque .

Vc : Sai dai seu idiota
Jus : Também quero - ele disse inconformado
Vc : Garoto idiota


Me virei e joguei logo de uma vez aquele buque , um empurra empurra aconteceu e o Justin levantou do chão descabelado segurando o buque 


Jus : Peguei suas trouxas - ele disse comemorando 
Vc : Aonde eu fui me meter - eu disse reclamando balançando a cabeça negativamente
Pattie : Aonde foi que eu errei - disse a pattie enquanto o Justin comemorava
Vc : Para que você quer essa porra Justin ? - eu disse irritada
Jus : Flores para uma flor - ele disse me entregando o buque 

Eu peguei o buque da mão dele e comecei a bater nele com aquilo destruindo totalmente todas as flores 

Jus : Não precisa me bater sua vagabunda
Vc : Puto 

[... ]

Todos estavam no salão aonde acontecia uma grande festa , todos se divertiam e eu estava sentada na cadeira com um copo de champanhe na mão olhando tudo em volta .

Xx : Queria que fosse eu - ele disse puxando uma cadeira ao meu lado e se sentando
Vc : O que foi chaz ? - eu disse desanimada
Chaz : Queria que fosse eu o seu marido
Vc : E eu nem queria ter marido - disse ainda no mesmo tom desanimado de voz
Chaz : Tudo vai ficar bem pequena - ele beijou minha testa e se levantou 

Continuei olhando todos se divertindo naquela grande festa , a miley veio animada em minha direção e se sentou ao meu lado toda feliz .

Miley : Que festa em amiga - ela disse animada
Vc : aham
Miley : Que desanimo
vc : Você queria que eu estivesse como ?
Miley : Mas depois daqui sei que vai se animar - ela sorriu safada
Vc : Não , não vou , olha para mim estou gorda com essa porra que fica chutando minha barriga toda hora , assim qualquer homem perde o tesão 
Miley: Mas amiga ..
Vc : Miley , eu não vou fingir que estou feliz por que eu não estou e ele esta fodido comigo se ele acha que vamos chegar no hotel 5 estrelas que reservamos para essa noite e vai fazer sexo comigo ele esta muito enganado
Miley : Serio [ seu nome ] , serio mesmo ?
Vc : serio , aquele puto ontem fez uma despedida de solteiros só voltou umas 8 e pouca da manha e ainda vem jogar na minha cara que foi pra cama com 4 ao mesmo tempo , eu já estou irritada por essa gravidez e ainda tenho que aturar as palhaçadas dele
Miley : Duvido que você não vá se render aos encantos dele na lua de mel 
Vc : Não vou , ele é um idiota
Miley : Mas ele não deixa de ser gostoso - ela mordeu os lábios com os olhos fixos em uma mesma direção

Olhei na mesma direção que ela olhava e o Justin estava sentado com as pernas abertas e quase jogado na cadeira , ele estava com um copo de vodca na mão , sua gravata presa na sua cabeça e me olhava , sorriu de lado ao perceber que eu o olhava e eu retribui o sorriso do mesmo jeito . 

Miley : seu maridinho te espera - ela riu 
Vc : Vai tomar no  cú 

Ele se levantou vindo em minha direção , se sentou em meu colo e passou o braço em meu pescoço , ainda desanimado . 

Jus : Quero para casa 
VC : Aguenta mais um pouco 
Jus : Isso ta chato 
Miley : Só para vocês por que eu e todos estão achando essa festa foda - ela disse se levantando e se misturando as pessoas . 
Jus : Estraguei a minha vida e a sua , né ? 
Vc : Agora que caiu a ficha Justin ? - ele balançou a cabeça positivamente

Beijei sua bochecha e saíram puxando nós dois para fazer um discurso , se juntaram todos com uma taça de champanhe e o Justin subiu na cadeira para que todos pudessem ouvir . 

Jus : Mãe que porra você quer que eu fale ?
Miley : Faz logo o discurso mané 

                                           [...]Continua

oi pedaços de bostas ...


negos eu n postei esses dias foi mal realmente não deu ...

http://ask.fm/whosFlavis << perguntem , quero polemicas kkkkkk se forem falar da IB fala no twitter mesmo que é melhor ..

Rodisvaldo quer um beijo 


   beijo no totoso .... divulguem a ib e beijo na bunda de vcs seus putos de my life                  

16 de agosto de 2012

Everything starts from something- 15º capitulo

-- 50 comentários:
    " Na saúde e na doença , até que o ódio nos separe " 




Acordei em um motel e agora eram 4 meninas jogadas na cama todas peladas , o quarto uma bagunça e o sol invadia o local, minha cabeça doía mas nem liguei para isso  , mordi os lábios ao ver todas aquelas gostosas jogadas em cima de mim , uma até segurava meu pau enquanto dormia , a bunda de outra estava a minha cara e a outra dormia de pernas abertas , não me aguentei , me levantei e comecei a chupa-la fazendo com que ela acorda-se gemendo .

Xx : Ótima maneira de acordar - ela disse com a voz falha entre gemidos 

Ela pressionava a minha cabeça para que eu não parece , ela gemia loucamente , duas chupavam meu pau enquanto eu gemia fraco . 

[...] 

Tomei um banho rápido naquele pequeno banheiro , quando sai as meninas ainda estavam totalmente sem roupa na cama , beijei cada uma e sai as deixando ainda la , paguei a conta do motel e peguei meu carro dirigindo para a minha casa , ainda era cedo umas 7 horas da manhã , abri a porta de vagar e as luzes estavam todas apagadas e a casa estava silenciosa,subi as escadas cuidadosamente e abri a porta do quarto , tirei a calça e a blusa deitando só de cueca ao lado dela a abracei e fechei meus olhos .

Você modo On :

Senti alguém se deitar ao meu lado me fazendo despertar , olhei para o lado e era ele deitado já com os olhos fechados e com seus braços e pernas sobe mim . O empurrei para fora da cama fazendo com que ele acorda-se assustado . 

Jus : Por que fez isso sua maluca ?
Vc : Não vai deitar na MINHA cama 
Jus : Por que ?
Vc : Ninguem mandou sair ontem 
Jus : Vagabunda
Vc : E nem pense em se deitar novamente na cama  


Eu disse me virei para o lado ouvindo ele reclamar e voltei a dormir . Era o dia tão esperado por elas , não por mim e muito menos por ele , acordei com o despertador tocando loucamente me espreguicei e o vi deitado no chão coberto pelo coberto e  com um pequeno travesseiro , ele estava todo encolhido parecendo um bebe . 

Vc : Justin hoje é o dia - eu disse me abaixando perto dele 
Jus : dia de que [ seu nome ] ? Cala essa boca e para de falar coisas sem sentido - ele disse ainda com os olhos fechados
Vc : Do casamento seu puto
Jus : To nem ai , deixa eu dormir

Ele fechou seus olhos e eu o olhei bufando , ele acordou num pulo e gritando me assustando .  

Jus : AI MEU DEUS É HOJE - ele gritou se levantando rápido 
Vc : O que ?
Jus : O dia da minha prisão - ele disse fazendo drama
Vc : Você quis dizer casamente , né ?
Jus : Você fala casamento e eu escuto prisão , tortura ou qualquer coisa do gênero
Vc : Babaca
Jus : Ainda da tempo de fugir - ele disse andando de um lado para o outro do quarto
Vc : Vai desistir agora Bieber ?
Jus : Sei que você também não quer essa merda 
Vc : Como tem certeza disso ?
Jus : SE APAIXONOU POR MIM ?- ele gritou assustado enquanto eu gargalhei
Vc : Babaca , logico que não , só queria ver sua reação - eu disse rindo 
Jus : Me assustou piranha - ele disse me puxando pela cintura
Vc : Não me apaixonaria por um idiota que nem você - eu disse fitando seus lábios 
Jus : Posso ser idiota mas sou bom de cama - ele disse com a boca perto da minha
Vc : Como tem tanta certeza assim ? - eu disse num tom desafiador
Jus : Seus gemidos , seus gritos chamando meu nome enquanto eu te fodo todinha
Vc : Nossa até me exitei - mordi meus lábios
Jus : Puta - ele mordeu os lábios 
Vc: Mas não esqueça que você ainda vai levar uma porrada por causa de ontem - eu disse batendo em seu rosto
Jus : cachorra 
Vc : Ninguém mandou fazer despedida de solteiro ontem
Jus : Foi gostoso , só faltava você - ele mordeu os lábios
Vc : Vai se foder - eu disse o empurrando  
Jus : 4 gostosas na minha cama - ele sorriu safado - varias strippers dançando para mim 
Vc : Vai a merda
Jus : E a novela foi boa ? - ele disse rindo
Vc : Cala boca antes que eu te de um tiro 
Jus: Não ficaria sem o seu noivinho gostoso 
Vc: Minha vida seria até melhor 
Jus : Seu dedinho te deu prazer ? 

Joguei o travesseiro no rosto dele e entrei no banheiro , tomei um longo banho , hoje com certeza minha vida ficaria pior , ouvi ele entrar no banheiro e se sentar no balcão da pia e ficou me olhando por um tempo. 

Vc : Que foi ? - eu disse irritada
Jus : Só to olhando
Vc : Dei permissão ?
Jus : Cala a boca 
Vc : Vai a merda
Jus : Me chupa 
Vc : Vai dá o cú 

Assim seria minha vida um mar de xingamentos , sempre sozinha enquanto ele sai para curtir , enquanto eu tenho que me virar e cuidar de tudo sozinha.
 Sai do banheiro enrolada na tolha , botei uma roupa fresca e a minha mãe entrou em casa animada . 

Ana : Esta animada filha ?
Vc  : Não - eu disse fria pegando minha bolsa
Ana : Mas vai ficar quando ver o seu dia de noiva

Entrei no carro sem falar nada , liguei o radio alto e o caminho inteiro foi ela falando enquanto eu fingia escutar sem falar nada , chegamos para o tal " dia da noiva " passaram a tarde inteira me maquiando , fazendo massagens , fazendo cabelo ... 

[... ] 

Meu coração batia forte , me olhava no espelho a procura da  resposta para a pergunta " Por que estou fazendo isso ? " senti uma lagrima cair , aquilo não é o que eu queria , aquilo não é o que eu sonhei . 

Ana : Vamos filha 

Afirmei com a cabeça e entramos na limousine a caminho da igreja , eu olhava para a janela enquanto tentava segurar as lagrimas . Sai com dificuldades do carro e dei o braço ao meu pai , todos se levantaram e a musica começou .

" Para sempre pode nunca ser o suficiente para que eu sinta que tive tempo suficiente com você " 

Jazzy jogava as flores pelo tapete vermelho , olhei para o Justin e ele riu de mim segurei para não rir 

"Forget the world now we won't let them see But there's one thing left to do " 

Meu pai me entregou ao Justin que sussurrou em meu ouvido " Você esta feia " e logo em seguida riu , belisquei ele e nos ajoelhamos em frente ao padre , todos da igreja começaram a rir inclusive o Justin que estava ficando vermelho de tanto tentar segurar sua risada . 

Vc : O que aconteceu ? - sussurrei 
Jus : Não sei - ele fingiu de desentendido

Olhei para trás e na sola do sapato do Justin tinha uma papel colado e nele escrito em vermelho com letras grandes estava escrito " Socorro " , eu o olhei com um olhar desafiador . 

Vc : Eu vou te matar - eu sussurrei em seu ouvido
Jus : Me mate , mas me mate de tanto sexo - ele sussurrou em meu ouvido
Padre : Podemos voltar  ? 
Vc : Prossiga padre 


[.... ] 

Padre :Justin Drew Bieber ,  Aceita [ seu nome ] para ama-la e repeita-la na alegria e na tristeza , na pobreza e na riqueza , na saúde e na doença , até que a morte os separe ?
Jus : Queria não né , mas já que tem que ser assim , aceito sim 
Padre : [ seu nome todo ] aceita Justin Drew Bieber para amo-lo e repeita-lo na alegria e na tristeza , na pobreza e na riqueza , na saúde e na doença , até que a morte os separe ?

Olhei para todos em volta que esperavam minha resposta , respirei fundo e olhei para o Justin , ele sorriu e ali eu tomei forças para dizer " sim "

Vc : Sim 

Eu olhei para a cara do Justin que me olhava com uma cara de babaca que não sabe o que fazer . 

Vc : Justin a aliança 
Jus : Que aliança ?
Vc : Você não trouxe a aliança ? - eu disse irritada



                                                                                       [...]Continua 


13 de agosto de 2012

Everything starts from something- 14º capitulo

-- 59 comentários:
                                                             seu beijo seria o refrão mais fácil de lembrar " 




Jus : Sei que não  afinal putas só querem sexo 
Vc : Seu vagabundo quando o senhor vai achar um emprego ?
Jus : Estou de licença maternidade 
Vc : Sou eu que estou gravida não você - eu disse rindo batendo com o almofada em seu rosto
Jus : Idaí ?
Vc : Para de ser vagabundo 
Jus : Eu não posso deixar minha noivinha em casa sozinha carregando meu filho na barriga , vai que ela precise de mim
Vc : Como se você se importa-se - eu disse rindo e tacando a almofada nele - vagabundo
Jus : Vagabunda

[... ]

Amanha seria o dia tão esperado por elas , para mim era só o passaporte para o inferno , era anoite e eu olhava a janela aberta , sua cortina balançava devido ao vento frio que batia ali , as estrelas pontilhavam o céu e a lua fazia seu papel no céu iluminando tudo e se destacando em meio as estrelas . Justin saiu do banheiro , pude sentir de imediato o cheiro do seu perfume , ele estava lindo , ele se olhou no espelho e perguntou ainda fitando o espelho .

Jus : Estou gostoso ?
Vc : Só um pouquinho - eu disse tentando disfarçar que ele estava me deixando louca
Vc : Vai aonde ?
Jus : Sair 
Vc : Isso eu sei né , mas para aonde ?
Jus : Aproveitar meu ultimo dia de solteiro antes de me botarem em uma prisão
Vc : VOCÊ VAI FAZER UMA DESPEDIDA DE SOLTEIRO ? - eu gritei
Jus : Achou que eu ia perder essa oportunidade ? - ele disse rindo
Vc : Seu viado
Jus :  Beijos minha noivinha,  fica ai vendo a novela enquanto eu vou comer umas 10 garotas de uma vez só
Vc : Viado de merda - resmunguei
Jus : Fica tranquila bebe , juro que não vou engravidar mais ninguém - ele disse irônico
Vc : Viado

Justin modo On : 

Eu já havia preparado tudo , a melhor boate da cidade reservada só para mim e uns merdas qualquer que me chamam de amigo , strippers que fiz questão de escolher as mais safadas e gostosas bem do jeito que eu gosto . 

Jus : Já vou meu bebe - eu disse enquanto ela me olhava furiosa
Vc : Vai a merda
Jus : Faça uma festinha com seu dedinho - eu ri
Vc : some da minha frente - ela disse irritada

Eu ri me debrucei em minha dela e mordi sua bochecha e depositando um beijo em seu pescoço . 

Jus : Não me espere , vou voltar tarde-  eu sussurrei em seu ouvido e mordi a ponta de sua orelha

Ouvi ela me xingar e bati a porta da casa pegando meu carro , fui dirigindo a boate , ela estava reservada somente para mim e alguns homens que chamei , aos poucos eles foram chegando , enxiamos a cara de bebida e as strippers faziam o seu trabalho , nos deixar loucos. 
    Ela subi e descia em um poste em cima de um palco , fazendo poli dance . Uma veio até a mim e sussurrou sexy em meu ouvido . 

Xx : Que desperdício um homem desse vai se casar 

Mordi meus lábios e ela começou a dançar em minha frente , ela se sentou em meu colo envolvendo suas pernas em minha cintura , ela rebolava lentamente em cima de meu pau me deixando doido , senti meu pau já duro por dentro da cueca . 

XX: Seu pau gostoso dando sinal de vida , isso esta me deixando louca , ele roçando em minha bunda

Ela lambia meu pescoço e dava leve chupões , minha mão percorria por todo seu corpo e a apertando com força , meus lábios foi ao encontro do dela , piranha gostosa , ela chupava minha língua me deixando louco , mordia meus lábios e sua língua explorava todos os cantos da minha boca . 

Xx : Vai pegar o mais gostoso da festa ? Não vai deixar para mim , Adriele ?
Adriele : Nada como um sexo a três Vanessa  - ela sugeriu

Mordi meus lábios e puxei a outra e botei cada uma em uma perna , os outros meninos se divertiam com as outras strippers enquanto nós brincávamos no canto da boate . Arranquei o sutiã que ambas usavam , isso seria mais pratico já que ambas usavam poucas roupas . Olhei aqueles peitos fartos e cai de boca na morena que se eu não me engano se chama Vanessa enquanto massageava o da tal de Adriele , ouvi as duas gemerem baixo e abocanhei o peito da outra . As joguei em cima da mesa e arranquei a mini saia que usavam , ambas usavam calcinha micro , uma preta e outra vermelha , rasguei ambas as calcinhas e cai de boca na boceta da loira que gemia enquanto empurrava minha cabeça para não parar com aquilo , eu masturbava rapidamente a outra e ouvia as duas gemendo alto , peguei a loira no colo e a empurrei na parede e meti nela com toda a minha força , ela gemia loucamente e quicava em meu colo enquanto seus peitos balançavam em minha cara , a morena assistia aquilo com cara de tesão enquanto se masturbava . 

Vanessa : Também quero - sua voz saiu um tanto fraca 
Jus : Vem cá gostosa - eu disse soltando a outra e empurrando a vanessa no chão  
Vanessa : Me fode gostoso
Jus : Fica de quatro gostosa

Ela fez o que eu pedi e eu dei um forte tapa em sua bunda , com certeza aquilo deixaria marcas , enfiei com força a fazendo gemer loucamente , eu enfiava com tanta força que seu corpo se em puncionava para frente , dei uma forte mordia em sua bunda e senti a outra beijando loucamente meu pescoço . 

Jus : Quem vai ser a primeira a chupar meu pau ? - eu disse com um sorriso safado 
Vanessa : Eu 
Adriele : Eu 

Elas se entreolharam irritadas e uma deu um tapa na outra , cara que tesão , elas saíram no tapa ali mesmo e totalmente sem roupa e aquilo estava me deixando mais exitado, ficava as olhando enquanto minhas mão passava pelo meu pau 

Jus : Meninas parem de gastar energia brigando e vem satisfazer o papai

Elas me olharam ambas descabeladas sorri safado e as puxando para o meu colo , a morena brincava com o meu pau enquanto a outra beijava meu pescoço 

Jus : Quem vai sentar em cima da minha boca para eu chupar sua bocetinha gostosa ? Quero uma me chupando enquanto outra senta de perna aberta em minha boca 

Deitei no chão mesmo e uma ficou entre as minhas pernas e a outra sentou de perna aberta em minha boca , eu puxava sua cintura contra meu rosto e a chupando toda , ela gemia loucamente enquanto puxava meus cabelos , minha outra mão segurava a cabeça da outra para que ela fica-se na velocidade que eu queria . 

[.... ] 

Acordei em um motel e agora eram 4 meninas jogadas na cama todas peladas , o quarto uma bagunça e o sol invadia o local, minha cabeça doía mas nem liguei para isso  , mordi os lábios ao ver todas aquelas gostosas jogadas em cima de mim , uma até segurava meu pau enquanto dormia , a bunda de outra estava a minha cara e a outra dormia de pernas abertas , não me aguentei , me levantei e comecei a chupa-la toda fazendo com que ela acorda-se gemendo . 

  
                                                                                                                                [...]Continua 
oi pedaços de bostas ..
obrigada pelos selinhos , eu vou postar aqui mas agora não que eu to sem tempo ...

bla bla bla to sem tempo mesmo beajs na bunda de vcs

12 de agosto de 2012

Everything starts from something- 13º capitulo

-- 31 comentários:
                                                             " Com você eu faço do inferno o paraíso " 




Jazzy : Tem um bebe na sua barriga e a cegonha que trás o bebe então você é uma cegonha
Jus : Na verdade , o homem enfia o pau duro dele na ... 
Pattie : Justin cala a boca  - ela disse irritada
Jus : Vocês ficam iludindo ela com a historia desse pato ai 
Vc : É cegonha Justin
Jus : Mesma coisa 
Vc : É muito diferente
Jus : Não é diferente
Vc : Serio que você quer brigar com uma mulher gravida ? 
Jus : Esta me ameaçando ?
Vc : Estou - eu disse o olhando com um olhar desafiador
Jus : Então me maltrate sua vadia - ele mordeu os lábios
Vc : Isso é maldade - eu sussurrei em seu ouvido 
Jus : O que ?
Vc : Falar isso quando você sabe que nem conseguir andar direito eu consigo
Jus : To nem ai por tanto que você me der prazer - risos- 
Vc : Babaca  
Pattie : Vem , vamos resolver alguns detalhes
Jus : Faz qualquer coisa - ele disse sem dar importância
Pattie : Vem - ela disse irritada nos puxando até onde todos estavam 
Ana : [ seu nome ] você vai entrar com seu pai enquanto toca a musica nupcial 
Vc : Me recuso a entrar com essa musica brega
Jus : Entra com um rock  pesado
Vc : Isso vai ser perfeito - eu disse animada
Ana : Você esta entrando no casamento você não vai entrar com rock
Vc : O casamento é meu - eu cruzei os braços
Pattie : Não vai ter rock e ponto - ela disse firme
Vc : Eu não dei opinião em nada e uma simples coisa vocês não deixam , eu queria entrar no casamento só de roupas intimas sem essa palhaçada de vestido de casamento e vocês não deixaram , agora quero entrar com rock e vocês não deixam .
Jus : Eu gostei da ideia dela entrar só de roupas intimas 
Vc : Mais fácil de arrancar tudo de pois né Justin 
Jus : Facilita muito - ele disse e bateu em minha bunda
Ana : Para Justin de ficar abusando a minha filha .Já não basta ter engravidado ela ?
Jus : Ela gosta , não vive sem meu corpo gostoso , pergunta para ela que ela te confirma 
Pattie :Parem !  Não quer entrar com a marcha nupcial , é isso ? 
Vc : É muito clichê 
Pattie : O que acha de escolher outra musica mais calma ? 
Vc : Melhor do que nada
Ana : O que acha de " marry me ? " do Train
Vc : Essa musica é linda 
Pattie : Então esta decidido 
Jus : Ainda preferia o rock - ele resmungou
Pattie : Para de reclamar Justin
Ana : Jaxon vai entrar carregando as alianças e ... 
Jus : Ta ta - ele resmungou a interrompendo  - podemos ir ?

[.... ] 

As coisas já estavam mais que resolvidas pelo menos para mim e para o Justin , mas elas queriam que fosse tudo perfeito tudo como nos filmes , ainda acho que deveríamos ir para Las vegas . Saímos da igreja e fomos a caminho da nossa casa , Justin se deitou no meu colo e deu um beijo em minha boca . 

Jazzy : Justin quando seu filho vai nascer ?
Jus : Sei la pergunta a ele
Jazzy : Quando que você vai nascer ? - ela disse falando com a minha barriga
Vc : Ele não te entende Jazzy
Jazzy : Bebe burro - ela disse saindo no sofá 
Pattie : Vamos Jazzy ?
Jazzy : Quero ficar com o Justin
Pattie : Depois você volta 
Jazzy : ta , Tchau - ela disse segurando a mão da Pattie 

Elas saíram e só podemos ouvir o barulho do carro partindo nos deixando sozinhos  . 

Jus : Vou sair - ele disse se levantando
Vc : Para aonde ?
Jus : Procurar sexo
Vc : Você vai ficar - eu disse irritada
Jus : Para de palhaçada [ seu nome ] 
Vc : Eu estou aqui gorda e você aproveitando ?
Jus : É o justo
Vc : Faz comigo - eu disse dengosa
Jus : Qual a graça ? Você assim ? Ficar só no mamãe e papai ? - ele fez careta - isso é broxante
Vc : Idiota - eu taquei a almofada dele - pode ir 

Eu me levantei a caminho da cozinha , voltei com uma latinha de cerveja e me sentei no sofá e fiquei o olhando . 

Jus : Isso ai não vai fazer mal para o bebe ?
Vc : Idai ?  Achei que o nosso objetivo sempre fosse matar esse bebe 
Jus : É mesmo - ele riu - me da um gole ?
Vc : Achei que você ia pegar suas vadias ?
Jus : Vou mais tarde - ele disse roubando a lata de cerveja da minha mão dando uma grande golada 
Vc : Me devolve - eu disse tentando roubar a cerveja dele
Jus : Uma condição ? 
Vc : Fala 
Jus : Me chupa ? 
Vc : Não
Jus : Por que ?
Vc : Eu quero sexo de verdade
Jus : Eu vou te recompensar depois
Vc : Qual o problema a gente fazer enquanto eu estou gravida ? Já fizemos varias vezes , você agora que esta de babaquice
Jus : Ficar só no mamãe e papai é entediante , você assim não da para fazer muita coisa vamos acabar matando o bebe
Vc : Esse é o objetivo 
Jus : Não - ele bebeu mais um pouco da cerveja 
Vc : Gay
Jus : Puta
Vc : Antes puta do que gay
Jus : Já te provei que não sou gay
Vc : Prova de novo
Jus : Filha da puta 
Vc : Vai a merda então

Eu disse me levantando indo pegar outra cerveja me sentei novamente no sofá e o Justin me olhou com um olhar desafiador , ele abriu as calças botando seu pau para fora , tirou a latinha da minha mão botando na mezinha central da sala e entrelaçou seus dedos no meu cabelo empurrando minha cabeça contra seu pau , tentei resistir mas ele estava ali na minha cara e eu não me aguentei , cai de boca o chupando por inteiro , ele empurrava cada vez mais minha cabeça contra seu pau sem nem se preocupar se aquilo ia caber  por inteiro na minha boca ou não , apertei seu pau com a mão o fazendo gemer e voltei a lamber sua cabecinha , eu massageava suas bolas enquanto ouvia seu gemido que era musica para os meus ouvidos . Comecei a punheta-lo fazendo movimentos lentos o que parecia ser torturante para ele , acelerei os movimentos fazendo mais rápido como eu nunca havia feito , eu estava com muito tesão no pau dele . 

Jus : acho ... acho que vou gozar - ele disse entre gemidos 
Vc : Já Bieber ? - eu disse no tom mais sensual da minha voz

Eu batia com o pau dele no meu rosto e o chupava como se aquilo dependesse da minha vida , puta que pariu , que pau gostoso . 

Jus : Não .. awwn ..não para nunca mais - ele disse entre gemidos enquanto eu o chupava 

Ele gozou em minha boca depois de muito tempo o chupando , engoli todo seu gozo e lambi a cabecinha tentando me certificar que não deixaria nem um resto de gozo ali . 

Jus : Puta
Vc : Gostoso
Jus : Quando você cuspir esse monstro para fora eu vou te foder todinha
Vc : Fode agora - eu implorei
Jus : Adoro quando me implora desse jeito
Vc : Viado - eu disse acariciando seu pau 
Jus : Puta minha 
Vc : Quero mais gozo
Jus : Faça por merecer 

Eu tirei minha roupa ficando totalmente nua para ele , me sentei no meio da suas pernas enquanto ele me olhava com seu olhar mais tarado . 

Jus : Eu disse que não
Vc : Relaxa seu viado não vou fazer nada , só vou brincar um pouquinho

Eu disse esfregando seu pau em minha entrada me estimulando , ele só me olhava enquanto eu batia seu pau em meu rosto , peguei seu dedo me estimulando , ele tirou minha mão da sua e começou a fazer seus próprios movimentos  com seus dedos , movimentos  rápido , ele enfiou seus dois dedos fazendo movimentos mais rápidos que se pode imaginar enquanto eu gemia queria que ele me fode-se nesse exato momento , ele enfiou seu pau forte em mim fazendo movimentos rápidos como eu nunca tinha feito , o sofá fazia barulhos , ele enfiava dentro de mim e meu corpo se impulsionava para cima , sei que  não seria o melhor sexo da minha vida mas já era alguma coisa .

[... ] 

Ele gozou dentro de mim e caiu para o outro lado , aquilo havia me cansado , eu ainda queria mais e se que ele também , mas esse bicho dentro de mim chutava mais que nunca me irritando profundamente . 

Jus : [ seu nome ] 
Vc : Que ?
Jus : Me promete uma coisa ?
Vc : O que ?
Jus : Depois que a gente se casar a gente não vai virar aquele casal chato que nunca faz sexo , vamos quebrar todo dia uma cama , vamos fazer sexo independente se esse bicho ai estiver chorando , que se  foda , eu te foderei todo dia 
Vc : Prometo - eu ri 
Jus : Vamos fazer da nossa vida uma eterna lua de mel , só sexo 
Vc : Só pensa nisso ?
Jus : Assim como você 
Vc : Esta enganado 
Jus : Sei que não  afinal putas só querem sexo 
Vc : Seu vagabundo quando o senhor vai achar um emprego ?
Jus : Estou de licença maternidade 
Vc : Sou eu que estou gravida não você - eu disse rindo batendo com o almofada eu se rosto


                                                                                                         [ ... ] Continua 

oi pedaços de bostas ... 

Obrigada por tudo e pá ... Mas porra ela vem me comparar o jogar na minha cara a historia de vida de outra dizendo que ela é melhor que eu ... vai tomar no cú ... 

leiam esse blog ai ... http://coraodeumabelieber.blogspot.com.br/

E sabe como eu me sinto? Um pedaço de merda.  " << mas é claro que você é um pedaço de merda .. mas é MINHA PEDAÇO DE MERDA. ..


11 de agosto de 2012

Everything starts from something- 12º capitulo

-- 61 comentários:
                                              Quero sentir você e adormecer só com você.




Pattie : só pensa em sexo ... sai daqui - ela disse empurrando ele para fora da loja , ele saiu reclamando enquanto eu me olhava no espelho
Vc : Essa historia de casamento é mesmo necessária ?

Ana me olhou com um olhar materno e botou a mão em meu ombro , respirou fundo tentando achar as palavras . 

Ana : Filha , eu só quero seu bem , sei que no futuro vocês podem se separar e cada um seguir seu rumo ou podem se apaixonar até por que o destino é imprevisível mas nesse momento eu queria que você tivesse alguém do seu lado , quero que o pai dessa criança esteja ao seu lado , para que vocês possam pelo menos tentar serem os melhores pais . 
Vc : Mas mãe ... ele não gosta de mim e eu não gosto dele , não vai dar certo
Ana : Filha eu posso esta agindo errado mas o meu coração de mãe me diz que eu tenho que fazer isso

Ela me abraçou forte , um abraço que tranquiliza qualquer um mesmo que o mundo esteja desabando , ela depositou um beijo em minha testa e eu fui para o trocador , tirei o vestido com dificuldade e sai da loja sem dizer mais nada , era horrível ter que andar com aquela barriga enorme , entrei no carro com dificuldade e o Justin me olhou enquanto comia um enorme hambúrguer, ri do molho que caia no canto da sua boca e voltei a olhar para a janela .

Jus : Ainda da tempo da gente fugir e deixar essas doidas para la - ele disse quando acabou de comer
Vc : Fugir para que ? Para eu ficar sozinha e ainda gravida ?
Jus : Iriamos fugir juntos
Vc : E qual vai ser a diferença ?
Jus : Sei la , eu só nunca me imaginei entrando na igreja sendo o noivo , isso parece ser assustador .

O olhei e voltei o meu olhar a janela que fitava aquela loja de vestido de noivas , nossas mães saíram da loja felizes e entraram no carro e logo o Justin deu a partida , o caminho era silencioso , um silencio torturante , acariciei minha barriga enquanto tentava me conformar com a situação ,é claro que a minha vida nunca mais seria a mesma .
      Justin deixou elas em casa e foi a caminho da nossa , ele estacionou em frente a pequena casa e nós entramos , me deitei no sofá fitando o nada .

Jus : Por que esta assim ? - ele disse se sentando no sofá
Vc : Minha vida é uma merda
Jus : O que eu faço para você ficar feliz ?
Vc : Por que faz isso ? Fingi que se preocupa quando no fundo só se preocupa com você mesmo ?
Jus : Você não acredita em nada mesmo
Vc : Vindo de você não acredito mesmo não

Ele se acomodou mais no sofá se sentando mais perto de mim , passou a mão pela minha barriga , a expressão em seu rosto era indecifrável como na maioria do tempo .

Jus : Merda de monstro , poderia ter sido só um sexo gostoso em uma noite qualquer por que esse monstro teve que estragar tudo ?
Vc : É

Eu me levantei indo para a pequena varanda senti uma lagrima cair , não quero mais essa vida , não quero mais nada é uma vontade de jogar tudo para cima e fugir para longe mas ao mesmo tempo tenho vontade de correr para os braços dele e ali ficar para sempre .

Jus : Sempre achei que você não chorava
Vc : Sai daqui - eu disse limpando minhas lagrimas
Jus : Ei que tal você ter mais um desejo louco ? Eu realizo ele para você e você fica feliz
Vc : Sai daqui Justin
Jus : Vai me diz um desejo seu
Vc : Seu abraço - eu sussurrei

Ele sorriu e me abraçou , seu abraço era confortante , seu perfume me rodeava , seu toque me acalmava. 

Vc : Você me prometeu que não ia deixar as coisas chegarem a esse ponto
Jus : Você já deveria saber que eu não cumpro com as minhas promessas mas juro que dessa vez não foi de proposito

Parecia tudo tão perdido , era como se eu fosse a pessoa mais infeliz do mundo mesmo estando no paraíso , é os braços dele eram o meu paraíso .  

Jus : Você tem direito a mais dois desejos - risos -
Vc : Pode ser um beijo ?
Jus : Um beijo calmo ou um do jeito que eu gosto ?
Vc : Para de ser bobo e me beija logo

Ele riu e puxou levemente meus cabelo e me beijou , nossas línguas dançavam em perfeita harmonia um encaixe perfeito .

Vc : Essa gravidez esta me deixando muito sentimental
Jus : Esta mesmo -risos -
Vc : Tenho mais um desejo ?
Jus : Sim
Vc : Quero sexo
Jus : Com essa barriga enorme ?
Vc : Quando eu cuspir esse monstro para fora você vai me recompensar ?
Jus : Muito
Vc : 24 horas por dia ?
Jus : Só ? É  muito pouco 
Vc : Besta -risos -

Encostei a minha cabeça no ombro dele enquanto ele fazia carinho em meu cabelo , depositou um beijo em meu pescoço e acariciava minha perna dando leves apertões .

Jus : Continua gostosa
Vc : Continua chato

Ele mordeu minha bochecha e eu ri pelo nariz , ele beijava meu pescoço loucamente e sua mão percorria para dentro da minha blusa a procura do meu peito o apertando forte , alguém bateu na porta e o Justin fez uma cara de tédio , me levantei com dificuldade e fui abrir a porta.

Ana : Vocês não estão prontos ainda ? - ela disse inconformada
Vc : Para que ? - eu disse sem dar importância
Pattie : O ensaio do casamento
Jus : Palhaçada
Ana : Palhaçada não , vamos logo estamos atrasados
Jus : Para que isso ?
Pattie : Para tudo sair perfeito
Vc : Eu já disse , Las vegas faz casamento em 5 minutos
Jus : E a gente ainda poderia passar um tempo por la
Pattie : Parem
Jus :Qual é , é o lugar da ousadia
Ana : Vamos logo
Vc : Eu prefiro ficar aqui
Jus : Falta um mês para essa porcaria depois a gente faz essa palhaçada
Pattie : Parem de bobeira e vamos - ela disse irritada
Jus : [ seu nome ] vamos voltar o que a gente ia começar a fazer - ele disse beijando meu pescoço
Vc :  Vamos para o que interessa - eu disse o beijando
Ana : Vem os dois - ela disse nos puxando 

Entramos no carro rindo a Pattie ia dirigindo enquanto Justin passava a mão por dentro do meu vestido no banco de trás .

Ana : Para a putaria ai a trás - ela disse irritada
Jus : Já que vamos casar eu tenho que tirar proveito disso
Pattie : Justin para agora
Vc : Deixa ele continuar-  eu disse dengosa 
Ana : Vocês se merecem
Jus : Já ouvimos isso antes mas eu tenho que discordar
Vc : Ele é um feio eu sou linda , não nos merecemos 
Jus : Qual é , eu sou super gostoso e o meu pau é mais ainda
Vc : Discordo 
Jus : Não é isso que você disse quando ...
Pattie : PAREM  - ela gritou interrompendo o Justin

Chegamos na igreja e tinha alguns familiares que na real , eu nunca tinha visto na vida , o Justin segurava a minha mão e sua outra mão deslizava até minha bunda toda hora . 

Jus : Igreja grande
Vc : Palhaçada - resmunguei 
Pattie : Os padrinhos vão ficar ali enquanto a Jazzy entra jogando as flores
Jus : Cade aquela pirralha ? 

Ouvi uma voz fina gritando pelo nome dele e pulando em seu colo enquanto ela abraçava forte ele . 

Jazzy : Eu vou jogar as flores , sabia Jay ?
Jus : Sei sim
Jazzy : Quem é você ? - ela disse se referindo a mim 
Vc : Sou [ seu nome ]
Jazzy : Você comeu um macaco ?
Vc : Não 
Jazzy : Uma melancia ?
Vc : Também não - eu ri
Jazzy : Então você é gorda - ela disse como se fosse obvio 
Jus : Ela esta gravida Jazzy 
Jazzy : Então você é um cegonha ?
Vc : Por que cegonha ?
Jazzy : Tem um bebe na sua barriga e a cegonha que trás o bebe então você é uma cegonha
Jus : Na verdade , o homem enfia o pau duro dela na ... 
Pattie : Justin cala a boca  - ela disse irritada
Jus : Vocês ficam iludindo ela com a historia desse pato ai 
Vc : É cegonha Justin
Jus : Mesma coisa 





                                                                                       [...]Continua 
oi principas ... << como estou fofa hoje 


Obrigada pelos selos , eu vou postar no blog daqui a pouco e tal ... tem um monte de gente me mandando o mesmo selo to ficado perdida kkk mas obrigada a todos


Em fim ... você deu a sua opinião então vou dar a minha . haa to com preguiça de dar minha opinião 

Não vou falar que você deveria parar de ser frouxa e sair do anony não vou dizer para você ir chupar um pau ... Só que eu acho que você deveria pelo menos saber sobre o que se passa em minha vida e dps vir falar alguma coisa ... Sabe você sente falta da Flavia de antes ?? Como se você nunca a conheceu de verdade ?? Eu era engraçada e legal ?? Nunca fui engraçada e muito menos legal ... Sabe ... eu acho engraçado , antes dps dos caps eu escrevia varias babaquices e postava fotos de macacos e pandas mas já li varias vezes " Tem gente que consegue fama por escrever bem e você consegue fama por postar macacos " e não foi só uma vez ... vem pode xingar não ligo .. mas não compara com porra de blog nenhum por que é o que eu mais odeio é ser comparada , pode até ser que não , mas sabe o que acho ? Que essa critica foi só para " divulgação " de outro blog ... e o que eu tenho haver qe ela tem mais leitoras que eu ?? As qe eu tenho eu sei que são as melhores ... você acha o que ? Que eu vou ficar postando minha historia de vida para os outros ficarem " emocionados " não mano , até pq n tem tanta coisa assim na minha vida de importante ... estão querendo fazer guerrinha ridicula enquanto ela esta me mandando um selinho .. éé ... você acha que eu cago criatividade e que eu tenho obrigação de ficar feliz o tempo inteiro ?? Não ... você sabe o que é ouvir seu pai dizer que tem vergonha de dizer que eu sou filha dele ?? Sua mãe nem falar com você ? Minha mãe me teve muito nova tinha 16 anos , sabe o que ouvir sua vó falar que essa gravidez estragou a vida dela ??? Que minha vó foi despejada de casa por tudo isso ?? Por n ter dinheiro para pagar o aluguel ?? minha mãe queria me abortar e meu pai que n deixou ... eles nunca se amarão foi só um " sexo " que nasceu eu . meu pai cuidou de mim desde que nasci e minha mãe n estava nem ai , até hoje não esta ... Moro sozinha com meu pai que sai de casa as 6 da manha e só volta as 10 da noite e fico o dia sozinha em casa e agora nem minha comida meu pai quer fazer mais segundo ele " não faço nada para vagabundo " todo natal meu pai passa vendo Tv enquanto eu estou no pc , sem nenhuma ceia de natal e nem nada, nem uma arvore  de natal e todas aquelas coisas , eu sempre quis isso .. ano passado minha avó obrigou a minha mãe a me chamar para passar o natal na casa dela , quando cheguei la até qe a casa era bonita e tal , tinha uma enorme arvore de natal e presente em baixo , ceia de natal e " familia " la né , minha mãe o marido dela , meu irmão minha avó , e eu me perguntava " por que porra to aqui ? " era estranho , na hora dos presentes todos ganharam e adivinha quem ficou sem ? Exatamente eu , ta tranquilo ... me sentia deslocada ali .. era como uma total estranha , minha avó vem de vez em quando na minha casa , acho que para tirar a culpa de que minha mãe nunca me vê , minha avó odeia meu pai e vice e versa , toda hora ela passa xingando ela e ele ela , começa uma briga e um joga na cara do outro as mesmas coisas do passado sobre o meu nascimento indesejável e eu ali ouvindo dói né minha vó diz que eu deveria sair dessa casa que ninguem merecem morar com ele , mas pow eu o amo né ... eu tinha uma cachorra e eu a amava , quando cheguei em casa ele havia dado minha cachorra chorei durante meses ...Meu pai namora e separa e sempre joga a culpa para cima de mim , namorou durante anos com uma mulher que eu odiava e ela me odiava nem sei pq se eu tinha só uns 6 anos me maltratava e eu a não suportava .. uma verdadeira piranha mas sei la ... ele chega em casa só para me xingar e gritar comigo , teve um momento que eu arrumava a casa e fazia tudo certo para tentar agradar , mas ele sempre falava " porra faz nada direito " então desisti e sempre ouço ele dizer " seja igual sua irmã " porra odeio que me comparem .... fui uma piscicologa nem sei pq mas eu fui e ela vira para mim e fala " sua vida é ruim ' mas porra você é paga para melhorar e n piorar as coisas né ?   ele vive dizendo que eu sou inutil e qe eu não tenho nenhum laço familiar com ninguem , que eu n sei agir como familia .. mas como eu saberia se ninguém nunca me ensinou ?? 

Sei la cansei de falar .... mas sabe disse nem a metade , mas que saber to pouco me fodendo e sei que ninguem vai ler ... mas era isso que eu fizesse ?? conta-se sobre alguma merda da minha vida ??? qe porra .... HAA VAI SE FODER E É ISSO AI .... E SABE O QUE EU ACHO ? QUE SE N ESTA SATISFEITA ENTÃO QUE PORRA TA FAZENDO COM A ABA DO BLOG ABERTA AINDA ?? 

beijo na sua bunda gorda